Terça, 25 de Janeiro de 2022 08:43
(45) 99927-6758
Foz do Iguaçu Bem

Diretoria de Bem-Estar Animal atende denúncia de animal abandonado e em situação de maus-tratos

O animal estava há dois dias dentro de um carro, sem água ou alimentação. O cão foi encaminhado por uma associação para uma clínica veterinária para receber os cuidados.

08/01/2022 12h43
Por: Redação Fonte: Da Redação com AMN
Divulgação
Divulgação

A Diretoria de Bem-Estar Animal realizou nesta sexta-feira (7), o resgate de um cão que estava dentro de um veículo abandonado na região da Vila Portes, próximo à entrada da Ponte Internacional da Amizade. A denúncia de maus-tratos foi recebida via aplicativo 156 Foz. 

Segundo as informações recebidas pela diretoria, o cão estava há dois dias preso no automóvel. Ele foi encontrado machucado, com ferimentos no pescoço, sem água ou comida e exposto ao sol. O veículo possuía débitos de pagamento e foi guinchado, com o apoio da Guarda Municipal e Foztrans. 

O animal foi encaminhado para uma ONG de proteção animal, que o levou a uma clínica veterinária para receber os devidos cuidados. O trabalho também contou com a parceria Associação Mantenedora de Animais Resgatados (AMAR). 

“Graças a esse apoio das ONGs conseguimos fazer o resgate do cão, que se encontrava em uma situação muito triste. Buscamos com a Guarda Municipal um modo de encontrar o proprietário do veículo e tomar as medidas corretas. Pedimos que a população também nos ajude e continue denunciando qualquer situação de maus-tratos”, alerta a diretora de Bem-Estar Animal, Keila Lopes.

Denúncias

A Prefeitura de Foz do Iguaçu, por meio da Diretoria de Bem-Estar Animal, orienta que as denúncias referentes a maus tratos sejam formalizadas por meio dos seguintes canais: Central 156 (aplicativo 156 Foz e telefone 156),  telefone 153 (Guarda Municipal) e 181 (disque-denúncia da Polícia Civil). 

Desde o início de 2021, quando foi oficialmente criada, a verificação das denúncias é atribuição da Diretoria. Até o momento, já foram atendidas mais de 400 denúncias pela diretoria. 

A Diretoria de Bem-Estar orienta ainda que as pessoas não se coloquem em situações de risco e acionem os órgãos competentes, uma vez que para a fiscalização é necessário o seguimento de protocolos, e as equipes são preparadas e resguardadas para fazer uma abordagem correta aos casos denunciados.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias