Terça, 18 de Junho de 2024
18°C 28°C
Foz do Iguaçu, PR
Publicidade

Centro de Oncologia do Hospital Costa Cavalcanti é reformado e ampliado

Reinauguração aconteceu na última semana, com a presença de autoridades, colaboradores, médicos e pacientes.

21/05/2024 às 08h49 Atualizada em 22/05/2024 às 14h50
Por: Redação Fonte: Assessoria
Compartilhe:
Foto: Divulgação - Assessoria
Foto: Divulgação - Assessoria

O Hospital Ministro Costa Cavalcanti reinaugurou, na última sexta-feira (dia 17), seu Centro de Oncologia, com 20 consultórios e capacidade para atendimento a mais de 1.500 pacientes/mês. Com a ampliação, o Costa Cavalcanti passa a centralizar num só local os serviços para tratamento ao câncer.

No local serão feitos desde atendimentos ambulatoriais até exames diagnósticos. A infraestrutura da clínica também possui salas de curativos e de observação. No piso superior, foram reformados os quartos e construídas três enfermarias para o internamento e dois leitos de isolamento. “Com a ampliação, vamos melhorar ainda mais a qualidade da assistência”, afirmou o diretor técnico, Dr. Julio Batista.

Segundo ele, “este momento é único. Poder oferecer de maneira igual, para todos os pacientes, o mesmo atendimento e a mesma estrutura, independentemente da fonte pagadora, é de fato um momento histórico”.

O novo coordenador-médico da unidade, Dr. Arnaldo Cortez Junior, está no serviço desde o início, elogiou a nova estrutura. “Há 30 anos, ninguém esperava que a Oncologia de Foz do Iguaçu chegasse aonde 

chegou. Mas espero que não paremos por aqui. Queremos que este serviço de excelência comece na prevenção, na detecção e, especialmente, na medicina preventiva”, pontuou Dr. Arnaldo.

Para a reforma e ampliação do novo espaço, e aquisição do moderno acelerador linear, foram necessários investimentos de quase R$ 22 milhões, provenientes da Itaipu Binacional, instituidora da Fundação de Saúde Itaiguapy, administradora do HMCC. “O motivo principal de tudo isso são os pacientes, atendendo a uma das diretrizes do presidente Lula: não pode ter diferença entre saúde pública e saúde privada. A qualidade do serviço oferecida aos pacientes precisa ser igual, e hoje o HMCC, mais uma vez, está mostrando isso”, disse o diretor-geral brasileiro da Itaipu, Enio Verri.

Segundo ele, Dr. Arnaldo fez uma intervenção brilhante. “Nós precisamos mesmo da prevenção. Em todos os sentidos, qualquer País desenvolvido não trabalha com a doença, trabalha com saúde. Infelizmente, no Brasil, ainda estamos no estágio da doença, mas vamos avançar e já estamos dando os primeiros passos”, frisou o diretor, que agradeceu ao Hospital e parabenizou a todos pelo trabalho prestado até os dias de hoje.

O diretor-superintendente do HMCC, Gilmar de Oliveira, disse que é uma honra poder participar dessa entrega tão importante para a saúde de Foz e região. “Meu agradecimento especial à Itaipu por esse carinho, por essa atenção com a nossa população, e por ter viabilizado esse investimento que permitiu que entregássemos um espaço e um serviço tão completo aos nossos pacientes. Muito obrigado e parabéns a todos que participaram desse processo”, enfatizou Gilmar.

Referência

O Hospital Costa Cavalcanti é referência no tratamento de oncologia para pacientes de Foz do Iguaçu, Santa Terezinha de Itaipu, São Miguel do Iguaçu, Medianeira, Matelândia, Ramilândia, Serranópolis do Iguaçu, Itaipulândia e Missal – municípios da área de abrangência da 9ª Regional de Saúde. Desde 2002, o HMCC oferece tratamento com radioterapia e quimioterapia, além de cirurgias, entre outros.

Acelerador linear

No ato da reinauguração, o complexo hospitalar apresentou oficialmente o novo acelerador linear. O equipamento auxiliará nos tratamentos de oncologia por radioterapia, garantindo mais precisão, eficácia e segurança. O aparelho utiliza fótons de alta energia (até 10 MV) e partículas de elétrons para tratamentos superficiais à pele. 

Hoje, o HMCC atende cerca de 500 pacientes em radioterapia. “Graças à verba destinada pela Itaipu, o Costa Cavalcanti tem condições de melhorar ainda mais a ala da oncologia, com os melhores equipamentos disponíveis. Sempre atentos às mais recentes novidades, fomos sempre conseguindo os melhores insumos e medicamentos para oferecer aos nossos pacientes”, finalizou Gilmar de Oliveira.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Lenium - Criar site de notícias