Terça, 18 de Junho de 2024
18°C 28°C
Foz do Iguaçu, PR
Publicidade

PROGRESSISTAS e PODEMOS anunciam aliança pela pré-candidatura de Paulo Mac Donald

Em encontro, partidos fecham união para a corrida eleitoral à Prefeitura de Foz do Iguaçu.

08/06/2024 às 10h39 Atualizada em 10/06/2024 às 13h21
Por: Redação Fonte: Assessoria
Compartilhe:
Evento contou com autoridades estaduais e lideranças de Foz. Foto: Assessoria
Evento contou com autoridades estaduais e lideranças de Foz. Foto: Assessoria

Em ato realizado nesta sexta (07) com a presença de representantes estaduais e dirigentes municipais, os partidos Progressistas e Podemos fecharam aliança pela pré-candidatura de Paulo Mac Donald nas eleições municipais de 2024. Prestigiado por apoiadores, o evento contou com uma calorosa recepção a Paulo e aos líderes partidários. Fizeram parte da mesa o Secretário de Estado da Indústria e Comércio e Deputado Federal Ricardo Barros, do Progressistas; o presidente estadual do Podemos, Gustavo Castro; o presidente do IPEM-PR, César Mello; a ex-governadora do Paraná, Cida Borghetti; a presidente do Podemos Foz, Bibiana Orsi; e os vereadores Alex Meyer (Progressistas) e Ney Patrício (Podemos).

Também estiveram no evento Michieu Platini, representando o Deputado Estadual Matheus Vermelho; o vice-prefeito de Foz do Iguaçu, Delegado Francisco Sampaio; Deoclecio Duarte, representando o partido AVANTI Foz; Gilberto Xisto, representando o União Brasil; Ortêncio Castilha, presidente do partido MOBILIZA de Foz e Wellington Bertol, presidente do partido AGIR de Foz.

Para Paulo, a atual situação do município o fez colocar o nome a disposição: “O momento é trágico, eu não posso me omitir!”

Ciente da maior demanda da cidade, saúde pública, o pré-candidato está otimista: “Foz tem jeito. Esta cidade pode ser um modelo de gestão para o Brasil!”

Paulo tem esperança que os iguaçuenses e líderes políticos se prontifiquem para um movimento de união pela recuperação da cidade. “Eleitos e não eleitos precisam saber dos problemas do município. A população precisa participar junto com o poder público em busca de soluções!”, pontuou.

O pré-candidato completou: “Podemos movimentar esta cidade inteira e fazer um modelo para o Brasil. Teremos orgulho por sermos referência nacional em gestão pública e o povo sendo partícipe das soluções!”, exclamou em defesa da pacificação política em prol do desenvolvimento da cidade.

Com a experiência de dois mandatos bem sucedidos que colocaram Foz no topo nacional em saúde e educação, com a construção do Hospital Municipal e as escolas municipais com os melhores índices do país, Paulo mostra confiança de que é possível resolver os problemas da cidade de forma conjunta, participativa: “Vamos arrumar juntos, não podemos nos conformar. Vamos buscar alternativas e usar nossa criatividade!”

Apoio e fortalecimento

Representando o Progressistas, Ricardo Barros deixou sua gratidão ao Podemos: “Quero agradecer o partido pelo apoio. Paulo será eleito. As pesquisas já apontam que é uma vontade majoritária da população ter novamente o jeito de administrar do Paulo!”

O presidente estadual do Podemos, Gustavo Castro, falou sobre a aliança política: “É uma honra para o Podemos abraçar esta causa. Sabemos que o município possui grandes desafios, mas com a experiência já comprovada do Paulo, podem ser superados!”

Diálogo aberto

Com a parceria celebrada, o grupo político segue conversando com outros partidos para ampliar o bloco até a realização das convenções, que ocorrerão entre o final de julho e começo de agosto.

Situação

A mais recente pesquisa registrada no TSE sob o n°PR 06064-24, contratada pelo Jornal GDIA e feita pela empresa Radar Inteligência, mostra que Paulo lidera a corrida eleitoral com 44,4% das intenções de voto.

Gustavo Castro (Presidente estadual do Podemos); Secretário de Indústria e Comércio do Paraná e Deputado Federal Ricardo Barros (Progressistas), Cida Borghetti (ex-governadora) e Paulo Mac Donald.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Lenium - Criar site de notícias